26 de agosto de 2009

Super Bianca 46 - Suave amanhecer - Francine Christopher


Valerie desejava viver em paz, mas o destino lhe reservava muitas surpresas...

Apenas o tinir do metal contra metal quebrava o silêncio do ginásio deserto. Valerie tentava esquivar-se dos golpes cada vez mais incisivos de seu misterioso adversário. Aquele homem desrespeitava todas as regras de esgrima e parecia querer machucá-la de verdade, pensou desesperada. De repente, uma dor lancinante na coxa avisou-a de que fora atingida.
Cambaleou, mas antes que caísse, braços fortes a ampararam. Como num sonho, ela viu o olhar ansioso de Cutter deter-se sobre seu rosto e ouviu os passos de seu agressor que fugia pelo vestiário...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quer comentar algum livro?